Se antigamente comprar pela internet parecia algo perigoso e obscuro, o cenário atual é outro. Em Fevereiro de 2015 dados da E-bit revelaram que 51,5 milhões de pessoas compraram algo pela internet em 2014, sendo que, deste montante 10 milhões estavam fazendo compras online pela primeira vez.

Para quem é dono de um e-commerce, os números são animadores: 2015 pode fechar com um aumento de 20% comparado aos números do ano passado. Em um mercado tão promissor, várias lojas online abrem e fecham. Mas o que de fato garante o sucesso delas? Como se diferenciar e ganhar da concorrência?

– Disponibilidade: a plataforma de e-commerce precisa ter alta disponibilidade, ou seja, ter capacidade continuar no ar caso alguma falha aconteça internamente. Um site que “cai” constantemente ou que tem páginas de finalização de compra fora ar perde seus consumidores para concorrentes melhor preparados. Um exemplo é a Vertis, empresa de serviços para e-commerce, que migrou seus programas e aplicações para o modelo Software as a Service (SaaS) na Amazon Web Services.  A redução de custos foi visível, pois o valor é menor do que criar e manter a própria infraestrutura.

– Qualidade na Navegação: o princípio do e-commerce é justamente a comodidade e a economia de tempo. Ter um site lento para carregar, com má usabilidade, deixa seu consumidor impaciente. Existem ferramentas que medem a qualidade da entrega no navegador, sendo possível medir o tempo de carregamento, tempo de processamento nos servidores e ainda utilizando datacenters em nuvem mais próximos do seu cliente, contribui para que o conteúdo carregue rápido. Além do mais, o Autoscaling da AWS é uma tecnologia que automaticamente provisiona mais capacidade de acordo com a demanda. É indicado e utilizado por quem tem picos de acesso durante a Back Friday, Natal, Dia das Mães, entre outras ações ao longo do ano.

– Segurança: seu e-commerce precisa passar confiança ao consumidor, pois este vai inserir dados de cartões para realização das compras. Investir em certificados digitais – como EV – Extended Validation, que deixam a barra do navegador verde e com o nome da sua empresa – é um ótimo começo, mesmo que não seja barato. De acordo com a COMODO, esses certificados transmitem mais segurança ao comprador e consequentemente reduzem o abandono do carrinho de compras. Observe também na escolha do provedor de nuvem, optando por aqueles que apresentam publicamente as certificações de seus datacenters como os da AWS, e que ainda façam auditorias periódicas de sua infraestrutura além de verificação automática de segurança contra invasões.

 – E-commerce sempre atualizado: todas as atualizações de infraestrutura necessárias e modificações de sistema executado por especialistas contratados para gerenciar sua nuvem com segurança. Mesmo se seu e-commerce ainda for pequeno, terá acesso à tecnologia de ponta antes possível apenas para grandes empresas.

Grandes empresas apostam na Amazon AWS para inovarem

A empresa Smiles migrou suas aplicações para Amazon AWS, a fim de preocupar-se menos com a infraestrutura e focar nos negócios. Segundo Adriano Barbosa, Gerente de Operações e Infraestrutura em TI da Smiles, eles tiveram a “necessidade de trazer inovação para criar novos produtos e vantagens para nossos clientes”.  Para Pedro Dorico, CTO da empresa, “a combinação de agilidade e inovação levou à escolha de uma infraestrutura que refletisse as necessidades de negócio da Smiles, então, a escolha foi a Amazon AWS”.

Muitas empresas já migraram suas lojas online para uma infraestrutura escalável da AWS. Desta forma, além de otimizar os custos, os empresários podem focar no que é o core da empresa: vendas. O consumidor quer e merece um site cuja usabilidade permita que a experiência de compra seja satisfatória. Se você identificou que seu e-commerce apresenta problemas neste sentido, algo precisa ser feito, e rápido.

Quero migrar para a nuvem! Por onde começo?

A Cloudster é Certified Partner Amazon Web Services e é especializada em infraestrutura e TI.  Todo suporte a sua infraestrutura é executada por engenheiros especialistas em nuvem. Toda arquitetura é feita de acordo com a necessidade do seu e-commerce, desde o primeiro acesso até milhões de acesso por dia. Solicite sem compromisso um diagnóstico da sua necessidade e saiba como a cloud computing pode ajudar sua empresa a crescer. Garantia de satisfação, redução de custos e mais vendas em seu e-commerce!

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>